A Igreja visível

É triste dizer que a nossa realidade demonstra que as coisas não andam bem. A igreja de nossos dias não tem mais os mesmos objetivos de antes. A questão agora não se resume em ser uma igreja bíblica, mas em ser grande e forte. Ter representatividade.

A pergunta é: O que é ser igreja em nossos dias?
Porque ser igreja vai além de brigar por uma denominação (sei que fazemos parte delas, no meu caso sou batista), mas não é esse o propósito, também não é defender um líder, e nem se vestir igual, ou mesmo falar com a mesma entonação de voz. Muito menos abrir mão da sua individualidade em pensar.

A pergunta 62 do catecismo maior de Westminster diz quem faz parte da igreja visível, e por esta resposta podemos entender melhor o que é ser igreja.

62 – Que é a Igreja visível? (Catecismo Maior de Westminster)
A Igreja visível é uma sociedade composta de todos quantos, em todos os tempos e lugares do mundo, professam a verdadeira religião, juntamente com seus filhos.

É uma igreja composta por pessoas que creem no evangelho, que entenderam a morte e o sacrifício de Cristo na cruz. Pessoas que sabem que não são merecedoras da graça de Deus, e que por misericórdia aprouve a Deus salvar. Ele nos amou primeiro!

É um grupo de pessoas que professam a mesma fé, que se reúnem em um local para adorar o único que é merecedor de toda honra. Que têm nas escrituras a regra de fé e prática. Que a vida está voltada a Deus por gratidão a sua obra redentora e sabem que os méritos da salvação estão em Cristo, que ELE cumpriu a lei e que a justiça DELE cobre a nossa injustiça.

Ser parte desta igreja visível é saber que Cristo é o cabeça do corpo, que nossa prioridade é fazer a vontade do Pai, ser instrumento de Deus onde estivermos para que o Reino de Deus avance.

Às vezes é necessário entender que vamos ter que sair da zona de conforto, mas que Deus é soberano e está no controle de todas as coisas. Então confie e se entregue totalmente a causa de Cristo.

Infelizmente as coisas não estão bem, e em muitos lugares os fundamentos foram mudados. Mas a igreja verdadeira de Cristo permanece fiel a ELE. Mesmo com toda limitação humana, vive para glória Dele, porque vive por amor, porque reconhece tudo que Deus fez, pela maravilhosa salvação. Cristo é suficiente.

Vive por gratidão, e não buscando viver para ter méritos, ou praticando atividades religiosas para se tornar merecedor diante de Deus. Os méritos são de Cristo.

Romanos 11.36 – Porque todas as coisas são dele, por ele e para ele. A ele seja a glória eternamente! Amém.

Viva para ELE, por ELE, para glória Dele.
Flavio Franco

Leave a comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

4 thoughts on “A Igreja visível”